EMDEC cadastra motofretistas e lança Selo para empresas do setor

O objetivo é regulamentar a prestação do serviço, prevenir acidentes e reconhecer empresas comprometidas com a segurança dos profissionais. EMDEC também anuncia medidas para reduzir violência no trânsito.A Empresa Municipal de Desenvolvimento de Campinas (EMDEC) lançou, no dia , 23 de julho, o cadastramento dos motociclistas e empresas que prestam o serviço de motofrete, além do Selo de Responsabilidade Social "Preferência pela Vida" sobre Duas Rodas.Também foram divulgadas medidas para reduzir a violência no trânsito e incentivar que as pessoas não dirijam após beber.Um dos objetivos do cadastramento dos motofretistas é diminuir o número de acidentes com motociclistas, que no ano passado foram responsáveis por quase 47% das mortes no trânsito da cidade. Com a medida, a EMDEC espera compartilhar com as empresas prestadoras desse serviço a responsabilidade pela segurança dos profissionais nas vias. Já com a implantação do Selo de Responsabilidade, sensibilizar empresas que utilizam os serviços - tomam este trabalho para a entrega de seus bens e produtos a contratar profissionais cadastrados e empesas comprometidas com a segurança.
Como será o cadastro
Estima-se que hoje o setor de motofrete emprega, em Campinas, entre 4 a 6 mil profissionais. Por meio do cadastro dos profissionais e empresas do setor, a EMDEC pretende regulamentar a prestação desse serviço e prevenir acidentes, preservando a vida dos profissionais que atuam sobre duas rodas.O cadastro será gratuito e obrigatório para todos os motofretistas e empresas do setor. Eles terão 120 dias para se cadastrarem junto à EMDEC. Após este prazo, a empresa iniciará a fiscalização.
Cadastro para motofretistas
O cadastramento para os profissionais de motofrete será feito em três etapas.Na primeira, os motofretistas devem preencher o Formulário Motofrete - Autônomo ou retirá-lo na Sede da Empresa, à Rua Dr. Salles Oliveira, 1028 - Vila Industrial, no período das 8 às 17 horas.Na seqüência, deverão entregá-lo no mesmo endereço e, com a entrega, estarão automaticamente inscritos para o Curso Básico de Motocondução e Segurança no Trânsito, que será gratuito. O curso será ministrado pela EMDEC em parceria com outros órgãos.A última etapa é a apresentação de uma cópia dos seguintes documentos:
-RG-CPF-CNH-Comprovante de endereço-Certificado de conclusão do "Curso Básico de Motocondução e Segurança no Trânsito"-2 (duas) fotos 3x4 recentes
Cadastro para as empresas
Para as empresas prestadoras do serviço de motofrete, o primeiro passo do cadastramento será o preenchimento do "Formulário Motofrete - Prestadoras de Serviço" ou "Formulário Motofrete - Entidades".Na seqüência, o formulário deverá ser entregue ao Expediente da EMDEC (Rua Dr. Salles Oliveira, 1028 - Vila Industrial, no período das 8 às 17 horas).Junto com o formulário, as empresas deverão apresentar uma cópia dos seguintes documentos:
-Contrato social-Cartão do CNPJ
Após o cadastramento, as empresas prestadoras do serviço poderão solicitar o credenciamento ao Selo de Responsabilidade Social "Preferência pela Vida".Já as empresas tomadoras de serviço (aquelas que contratam o serviço de motofrete para a entrega de seus bens e produtos) poderão solicitar o credenciamento ao Selo, com o preenchimento do Formulario Termo de Adesão Selo Tomadoras de Serviços.Vale destacar que o cadastramento e o credenciamento ao Selo são gratuitos.O cadastramento do motofrete tem o apoio da Secretaria Municipal de Saúde.
Mais informações podem ser obtidas pelo site www.emdec.com.br e pelo telefone 3772-4084.
Selo de Responsabilidade vai reconhecer compromisso com a vida
Durante o evento desta quarta-feira, também foi lançado o Selo de Responsabilidade Social "Preferência pela Vida" sobre Duas Rodas, voltado às empresas do setor de motofrete. Ele é um reconhecimento do Poder Público às empresas que mostrarem comprometimento com políticas de segurança, redução de acidentes de trânsito e preservação da vida dos profissionais.
Terão direito a receber o selo as empresas que atenderem aos seguintes requisitos:
-utilizarem apenas motofretistas ou empresas cadastrados na EMDEC-não estabelecerem punição ao motofretista que descumprir o horário limite para entrega das mercadorias-exigirem dos motociclistas o uso do capacete-exigirem que as motocicletas utilizadas para o motofrete sejam de, no mínimo, 125 cilindradas e possuam baú/ caixa, -roupas com faixas refletivas, mata-cachorro e antena de proteção contra fio com cerol.
Para o credenciamento ao selo, basta o preenchimento e entrega do Formulario Termo de Adesão Selo Tomadoras de Serviços na EMDEC.

Postagens mais visitadas deste blog