Prefeitura vai demolir o Elevado Costa e Silva

A Prefeitura de São Paulo vai demolir o Elevado Costa e Silva, mais conhecido como Minhocão, na região central da cidade, anunciou, ontem, o prefeito Gilberto Kassab (DEM).
De acordo com Kassab, o projeto é parte de uma série de mudanças urbanas previstas pela administração municipal para as regiões: Lapa/Brás, Mooca/Vila Carioca e Rio Verde/Jacu.
A obra, um dos feitos do ex-prefeito Paulo Maluf, foi inaugurada em 1971 e gera frequentes críticas de urbanistas, por conta da degradação que o viaduto causou nas proximidades da obra, além de barulho de carros e outros problemas, que levaram à desvalorização dos imóveis no entorno da Avenida São João, também no centro.
O plano de demolição ainda passará por análises técnicas para ver a viabilidade e faz parte dos novos projetos urbanísticos da prefeitura para a capital, anunciados na semana passada, que prevê a aproximação do emprego da moradia para os moradores das áreas afetadas pelo plano, o que pode diminuir a necessidade de deslocamentos diários entre a periferia e o centro da cidade.
Como parte do projeto, há ainda dois planos de ocupação do entorno da malha ferroviária, um entre os bairros da Lapa e do Brás, e entre a Mooca e a Vila Carioca. “Questões ambientais também serão contempladas nas intervenções, com a criação de parques e parques lineares, aumento das áreas de permeáveis e melhoria da drenagem.” Essa não é a primeira vez que a Prefeitura de São Paulo estuda a possibilidade de demolição do minhocão. Outras análises para a destruição também ocorreram nas gestões de José Serra (PSDB) e Marta Suplicy (PT). Em 1990, a ex-prefeita Luiza Erundina proibiu o trânsito no local aos domingos e feriados e restringiu o funcionamento durante a semana.


Fonte: Agência Estado

Postagens mais visitadas deste blog

Motoqueiros investem em criatividade para se proteger do Sol