São Paulo terá áreas exclusivas para motoboy estacionar


A prefeitura de São Paulo criou normas para o funcionamento da atividade de motoboy, com a finalidade de estimular a regularização do serviço. Entre as medidas está a implantação de pontos de estacionamento exclusivos para os motoboys, que devem estar com a documentação em dia junto à prefeitura. Demais motos serão vetadas, sujeitas a multa e guincho.
Segundo a Secretaria Municipal de Transportes, o ponto de estacionamento será determinado pela prefeitura em áreas centrais. Além dos estacionamentos, toda moto de entrega deverá ser da cor branca, ter no máximo oito anos e ser aprovada em vistoria semestral, entre outras exigências.
Além disso, o condutor deverá ter, no mínimo, 21 anos de idade, possuir carteira de habilitação da categoria A expedida há pelo menos 2 anos e ter feito um curso de capacitação em instituições credenciadas pelo Detran-SP. As seis normas que regulamentam o serviço de motoboy foram publicadas no Diário Oficial deste sábado.
FONTE: TERRA

Postagens mais visitadas deste blog